283102748_348261787221645_3472232007119626220_n

1ª Etapa da Missão Laguna Negra concluída

A 1ª etapa da Missão Laguna Negra na Prelazia de Lábrea encerrou neste domingo (22). Inúmeras famílias foram atendidas com a presença de profissionais da saúde que estão em missão no Barco Hospital.

A missionária da Comunidade Epifania, Amelinha Carrera que está na coordenação das duas primeiras etapas destaca que está sendo um tempo de muitas graças e bênçãos. “Estamos em Pauini – Amazonas, e finalizamos a Primeira Etapa da Missão. Graças a Deus tudo correu muito bem e temos lindos testemunhos do amor e da providência de Deus. As orações da comunidade sustentam a missão, levamos todos vocês conosco”, destacou.

A 2ª etapa da missão acontece a partir dessa terça-feira (24), com a chegada de novos voluntários profissionais da saúde que levam na bagagem: esperança, amor e ternura para os nossos irmãos ribeirinhos. E de forma especial, agradecemos aos irmãos e irmãs generosos que contribuem mensalmente conosco para que possamos evangelizar no Amazonas.

MISSÃO LAGUNA NEGRA

Atendendo ao chamado de Cristo e da Igreja, a Comunidade Epifania, com parceria da Arquidiocese de Vitória e a Prelazia de Lábrea – Amazonas, através do projeto Igreja Irmã, lança a Missão Laguna Negra 2022. De 09 de maio a 01 de agosto de 2022. Os municípios de Pauini, Tapauá, Canutama e Lábrea serão o cenário da Missão Laguna Negra, que visa despertar no voluntário da saúde a vivência da vocação missionária, convivendo, conhecendo, aprendendo e trocando experiências na realidade amazônica das comunidades ribeirinhas e indígenas.

BARCO HOSPITAL LAGUNA NEGRA

Em 2007 a Comunidade Epifania iniciou uma missão na Prelazia de Lábrea com envio de quatro missionárias consagradas para auxílio na formação pastoral na Paróquia São João Batista no Município de Canutama. Na trajetória da missão, o trabalho com a população ribeirinha tornou-se um desafio em meio à realidade precária das necessidades básicas humanas destes povos. E em janeiro 2007, ao realizar uma visita à Casa de Missão em Canutama, e deparando-se com este desafio, Doris Pereira de Almeida, fundadora da Comunidade, sentiu uma inspiração para iniciar um trabalho direcionado especificamente à população carente através de um Barco-Hospital que percorreria a calha do Rio Purus com a finalidade de levar atendimento médico e odontológico a essa comunidade.

A situação da saúde no local é alarmante. As sedes dos municípios dispõem de pequenos hospitais, que funcionam sem nenhuma estrutura. É fácil presenciar pessoas morrendo devido à picada de cobra por falta de soro antiofídico nos hospitais da região. As doenças tropicais, muito comuns nas enchentes e vazantes, fazem verdadeiros estragos, principalmente com as crianças.

Projeto Igreja Irmã: Arquidiocese de Vitória e a Prelazia de Lábrea

O Projeto Igreja Irmã foi criado pela CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – no final do ano de 1972. No início de 1972, a Arquidiocese de Vitória assumiu o Projeto com a Prelazia de Lábrea, como consta no Livro tombo desta Prelazia. Ou seja, neste ano de 2022 celebra-se 50 anos anos desta fraterna relação entre a Prelazia de Lábrea (AM) e a Arquidiocese de Vitória. Ao longo destes anos, aconteceram diversas visitas e diálogos entre os bispos anteriores da Arquidiocese e da Prelazia, bem como mudanças na dinâmica do Projeto visando ampliar e qualificar sua ação.

Prelazia de Lábrea está situada no centro-sul ocidental do Estado do Amazonas e pertence ao regional Noroeste da CNBB. Quatro municípios com uma extensão territorial de 232.240,0Km², quase o tamanho do estado de São Paulo. A Prelazia é composta por quatro paróquias: N. Sra. de Nazaré (Lábrea), São João Batista (Canutama), Santo Agostinho (Pauini) e Santa Rita (Tapauá) e uma área missionária (entre Canutama e Tapauá).

Os projetos missionários desenvolvidos na Amazônia com o generoso apoio das Igrejas Irmãs servem de sinal, recordação e incentivo para que toda a Igreja no Brasil seja, de fato, missionária, ‘em estado permanente de missão’. O objetivo do Projeto Igrejas-irmãs é partilhar a fé, os dons da graça, as experiências pastorais, pessoas e recursos financeiros como gestos de caridade cristã para com as Igrejas da Amazônia.

275054646_3168359320074848_5541749493057910054_n

ADORAÇÃO MENSAL

Com objetivo de contribuir para que os fiéis possam adorar ao Senhor, vivo e presente na Eucaristia, a Comunidade Epifania retornou as suas Adorações ao Santíssimo de forma mensal com a participação dos membros internos e externos, vocacionados, sócios evangelizadores e os amigos da Comunidade.

A adoração é a nossa resposta de amor a um Deus, que se fez carne e morreu numa cruz por cada um de nós e se fez Pão para permanecer conosco. Adorar é sentir um amor profundamente dedicado a Jesus. Se amamos alguém, isso afeta nossos pensamentos, nossas ações, e nossos corações. Atos de adoração são uma resposta a esses efeitos. Se nós realmente adoramos reverentemente ao Senhor, isso afeta muito mais que cantarmos ou a forma com que cantamos.

Após 02 anos sem realizar a Adoração Mensal de forma presencial, por conta da pandemia do novo coronavírus, a Comunidade Epifania retomou as adorações na sede da Comunidade Santa Mônica, que fica localizada na Rua José Teixeira, 1011 – Santa Lucia, Vitória – ES. O Calendário com as Adorações podem ser acompanhados nas nossas redes sociais. @comunidadeepifania

Sobre a Adoração ao Santíssimo 

A Adoração ao Santíssimo é um momento de profunda intimidade com Deus, buscando a reconciliação, reavivando a fé e possibilitando uma transformação para uma nova vida. Adorar Cristo no Santíssimo amadurece a união com Ele e auxilia no desenvolvimento de sentimentos de admiração e contemplação, pois envolvido pelo Seu amor é possível silenciar e deixar de lado as agitações do cotidiano.

Durante a Adoração podem ser realizados pedidos, agradecimentos por graças alcançadas, as aflições e os problemas podem ser apresentados, além de orações e momentos de silêncio para ouvir a Deus.

271940721_3133439996900114_159094604968574731_n

SER EPIFANIA NO MUNDO

No mês de janeiro, a Comunidade Epifania se reuniu na Chácara Vila de Nazaré, em uma missa presidida pelo padre Hadeleon Santana para renovar livremente o seu sim à aliança de bondade e compaixão com Deus. Nesta mesma ocasião o casal Diego de Amorim Borges e Belcristi Gurgel de Amorim fizeram suas primeiras promessas em ofertar suas vidas à Deus no carisma Epifania e de acordo com seu estado de vida.

Doris Almeida é membro fundadora da Comunidade que completa neste ano 28 anos de existência. Ela conta que o momento vivido ontem foi e é uma grande alegria para todos: “Com a liturgia deste domingo experimentamos a manifestação do Senhor, no ordinário da Vida, através das bodas de Caná, renovamos a graça deste carisma que nos leva a contemplar a beleza e o comprometimento da encarnação do verbo entre nós. A vocação é uma resposta humana do chamado de Deus.  Ficamos muito felizes com o sim dos nossos irmãos. Muitos são chamados a viver essa mesma vocação tão simples de glorificar a Deus, principalmente no cuidado com os pobres e pequenos”.

Todos os anos os membros internos, externos e celibatários da Epifania passam por essa renovação das promessas e ontem 25 deles participaram do momento, alguns presencial e outros de forma online devido a pandemia. Para se tornar um membro da Comunidade, Dóris explica que três passos precisam ser cumpridos. O primeiro é manifestar o desejo através de pedido verbal e por escrito; o segundo é realizar o caminho formativo da Comunidade Epifania com fidelidade e o terceiro é engajamento nas missões.

Apesar de existirem diferenças entre os membros, todos tem o mesmo comprometimento segundo seu estado de vida, ou seja, podem ser casados, celibatários ou solteiros. Existem membros das mais variadas idades. Os internos são aqueles que residem em espaço comunitário em função da missão e existem os membros externos ou membros de aliança que moram fora do espaço comunitário, em suas próprias residências.

A Comunidade Epifania trabalha muito com formação, dando retiros e encontros de espiritualidade e entre as Ações desenvolvidas estão a Casa Sagrada Família, que atende crianças de 0 a 2 anos em vulnerabilidade social, junto com o Juizado da Infância e Juventude. Elas ficam abrigadas no local até ser concluído o processo de retorno às famílias ou adoção.

Além disso, tem o Programa Viver que atende crianças e adolescentes com Aids e suas famílias. Há mais de 20 anos realizam um trabalho mensal de distribuição de cestas básicas, fralda, leite, além de motivarem para o tratamento da doença. Este trabalho é realizado em parceria com a Secretaria de Saúde e hospitais da Grande Vitória.

E barco hospital Laguna Negra, que está localizado na Prelazia de Lábrea e também tem um trabalho realizado pela Epifania com arrecadação de medicamentos e de material humano, com o envio dos profissionais da saúde para atender a população ribeirinha. Desde o início da pandemia as atividades tinham sido paralisadas, mas serão retomadas a partir de maio.

laguna_negra-4232848

SEJA UM VOLUNTÁRIO DA SAÚDE

Se você é da área médica e sente que pode fazer um trabalho voluntário de ajuda a populações ribeirinhas no Amazonas, a missão Laguna Negra espera por você para te levar até Lábrea. Para se inscrever veja os contatos abaixo.

O Laguna Negra é um barco hospital que presta assistência numa região com mais de 230 km² com população de 81 mil habitantes.

Os voluntários da área de saúde se revezam em turnos de 15 dias entre os meses de maio a agosto. Segundo Amélia, coordenadora do projeto, a primeira missão sairá no dia 07 de maio até o dia 24 de maio, “os profissionais vão de dois em dois e farão atendimentos às comunidades ribeirinhas do rio Purus”.

Durante a missão inúmeras atividades são realizadas pelos voluntários: consultas médicas, exames, aferimento de pressão arterial, administração e distribuição de medicamentos e tratamentos odontológico.

Veja o calendário e se puder ajudar, inscreva-se. A solidariedade é cada vez mais necessária e os povos ribeirinhos precisam de ajuda médica.

As etapas para a missão Laguna Negra serão:

Primeira etapa: 07 a 24 de maio de 2022

Segunda etapa: 23 de maio a 09 de junho 2022

Terceira etapa: 25 de junho a 18 de julho de 2022

Quarta etapa: 16 de junho a 01 de agosto de 2022

Mais informações:

Missão Lagna Negra – Barco Hospital

Local: Prelazia de Lábrea Amazônia

(27) 99961 5600 / (27) 3025 6292