Novo Diretório para a Catequese

O novo documento, elaborado pelo Pontifício Conselho para a Promoção da nova Evangelização do Vaticano, foi motivado pelos desafios do tempo presente como a Era Digital e a Globalização. O documento foi um pedido do Papa Francisco que preocupado com a dinâmica atual do mundo, percebeu a necessidade de Formação Catequética que dialogue com os desafios atuais. O Diretório tem traços fundamentais dos documentos pós conciliares, como Evangelii Nutiandi do Papa Paulo VI, e traz a dinâmica proposta pelo Papa Francisco na sua exortação apostólica Evangelii Gaudium.

“Quando a igreja propõe documentos como o diretório, ela nos convida a lançar o olhar sobre novos aspectos que circundam a nossa realidade atual. Dado que os últimos ‘Diretórios Gerais para a Catequese’ são datados de 1971 e 1997, sentiu-se a necessidade de atualizar a abordagem da catequese, segundo os novos tempos e as novas necessidades do povo. Claro que isso não é feito de um dia para o outro. A evolução e adequação acontece progressivamente, de acordo com as necessidades e capacidades de cada lugar, mas sempre mantendo a essência e a centralidade em Cristo. Ao se dividir em 3 partes, o novo diretório recorda que, pelo batismo, somos discípulo missionário de Cristo e que, para exercer este chamado, precisamos lançar mão das ferramentas contemporâneas para comunicar a fé. Isto tende a dar uma cara nova e mais atraente a catequese da nossa Igreja”; comentou Padre Fernando Souza, Coordenador da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética, da Arquidiocese de Vitória.

Fonte: aves.org.br

Verifique também

Togo recebe ajudas do Fundo Covid-19 instituído pelo Papa Francisco

O isolamento decretado pelas autoridades do governo para conter a pandemia de Covid-19 também teve …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *