Recomendações durante as missas e celebrações diante da possibilidade de contágio com Coronavírus

Preocupado com o bem estar de todos, e diante de uma epidemia do Coronavírus, o arcebispo dom Dario Campos emitiu uma carta com recomendações, pedindo que sejam seguidas durante as missas e celebrações na Arquidiocese de Vitória.

Meus queridos irmãos, minhas queridas irmãs!

Paz e bem!
O Verão e as chuvas favorecem o desenvolvimento do mosquito Aedes Aegypti que transmite dengue, zica, chikungunya e febre amarela. Isso já é motivo para tomarmos todos os cuidados possíveis: lavar as mãos frequentemente, evitar lugares com aglomeração de pessoas em ambiente fechado e muita atenção à água parada.
Agora o mundo todo enfrenta mais um desafio: a infecção do Coronavírus que começou na China, mas se alastra pelo mundo.
Eu, dom Dario Campos, arcebispo da Arquidiocese de Vitória, venho pedir a todos os fiéis desta arquidiocese e a todo o povo de Deus, que tomem todos os cuidados e fiquem atentos às seguintes recomendações durante as celebrações nestes tempos:
1. Não dar o abraço da paz;
2. Rezar o Pai Nosso sem dar as mãos;
3. Receber a Sagrada Comunhão exclusivamente na mão;
4. Não distribuir e não comungar sob as duas espécies.
Todos correremos menos riscos e, claro, podemos expressar nosso carinho com os irmãos com um sorriso e um rosto acolhedor.
Conto com a compreensão de todos e o empenho para não sermos facilitadores na transmissão dessas doenças.
Deus nos proteja e abençoe a cada um!
Dom Dario Campos, ofm
Arcebispo Metropolitano de Vitória do Espírito Santo

Vitória, 27 de fevereiro de 2020

Verifique também

Dioceses, TVs, rádios e mídias sociais reforçam transmissão da Festa da Penha

Para chegar às casas dos devotos da Mãe das Alegrias, a Festa da Penha 2020, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *